segunda-feira, 18 de julho de 2016

Bem Vindos (Welcome)


Saudações à todos os admiradores dos ritmos musicais africanos, bem vindos ao meu novo espaço na web: Underground Africa, dedicado exclusivamente a divulgar sons perdidos no tempo e esquecidos nas décadas de 1960, 70 e 80. Todos os trabalhos com influências da música africana, independente do país ou continente poderão ser divulgados. 
 O blog não disponibilizará links para download, apenas divulgação, comentário e um 'aperitivo' em forma de vídeo para os leitores, que são sempre convidados a participar via comentários com novas sugestões, informações e críticas.

2 comentários:

  1. Caramba, isso que é o underground!

    Bem, antes de tudo, saudações e parabéns pelo blog, proposta ousada e original. Vim parar aqui através de link do blog Pérolas do Rock and Roll e, apesar de não ser muito a minha praia, estou gostando dos sons apresentados.

    Como grande apreciador de rock progressivo, hard rock e classic rock dos anos 1970 e congêneres, acabei, ao longo da minha vida, me deparando com artistas e grupos vindos dos lugares mais malucos e improváveis possíveis, primeiramente do eixo EUA e Grã-Bretanha, depois da Europa ocidental... depois começaram a vir os lugares malucos dos quais o cidadão médio sequer imagina possa vir sons: leste europeu, Escandinávia, Rússia, depois passando por Japão e caindo nos países latinos como Argentina, México, Chile. Depois da Internet ainda deu para "desencavar" umas coisas meio doidas de uns lugares como Turquia e, no Pérolas do Rock and Roll, pinta coisas de lugares ainda mais inusitadas, tipo Irã! Mas, do antigo continente africano sempre ficava uma lacuna, afinal, tal como nós, eles sofrem com a carestia e, imagino, ainda nas décadas de 1960 e 1970 fosse ainda pior.

    Bom, falei demais e estou explorando o blog e me surpreendendo. Bom trabalho e continue!

    Forte abraço!

    Victor Hugo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu pelo comentário, Victor.

      Pois este foi o principal objetivo do blog desde sua criação, mostrar que o rock não foi e nem é um estilo restrito ao eixo EUA-Inglaterra, tanto que é um dos únicos da web que conta com bandas originárias de quase 100 países do globo!

      Abraços!

      Excluir